Definida Convenção Coletiva do Comércio 2012/2013

As reuniões aconteceram em clima de cordialidade e, no geral, foram mantidas as cláusulas da Convenção anterior, respeitando o calendário atual.

A Convenção Coletiva do setor do comércio no Piauí já foi finalizada. O documento foi elaborado após processo de discussão entre o Sindicato dos Lojistas do Comércio do Piauí - SINDILOJAS/PI e Sindicato dos Empregados no Comércio e Serviços de Teresina. As reuniões aconteceram em clima de cordialidade e, no geral, foram mantidas as cláusulas da Convenção anterior, respeitando o calendário atual.

A Convenção Coletiva de Trabalho, uma vez definida, tem a duração de um ano, e as normas e condições estabelecidas abrangem as categorias profissionais econômicas convenientes. De acordo com Luís Antônio Veloso, presidente do SINDILOJAS/PI, ?a Convenção é uma forma de atender da melhor possível aos interesses da categoria?.

A Convenção 2012/2013 trouxe algumas mudanças nas cláusulas econômicas, todas com o objetivo de atender as necessidades de lojistas e comerciários, e firmar uma relação justa de trabalho.

Pontos como 13º salário, licenças, férias, rescisões contratuais, auxílio creche, garantia mínima ao comissionista, desconto de comissionista, estabilidade provisória, empregado substituto, empregados novo readmitidos, balanço patrimonial e contribuição patronal, entre outros, permanecem conforme o disposto na Convenção Coletiva do Trabalho anterior.

Fonte: Jornal Meio Norte