DF: Dois meses após naufrágio, investigação não foi concluída

DF: Dois meses após naufrágio, investigação não foi concluída

A investigação sobre o caso na Marinha é administrativa e tem um prazo de 90 dias para ser finalizada, contados a partir de 23 de maio

Dois meses após o naufrágio do Imagination, no Lago Paranoá, em Brasília, ninguém foi penalizado pelo acidente que resultou na morte de 9 pessoas. O inquérito que está investigando as causas do naufrágio ainda aguarda a conclusão do laudo pericial do Instituto de Criminalística, que deve ficar pronto na próxima semana.

No mês passado, o delegado Adval Cardoso, da 10ª Delegacia de Polícia, no Lago Sul, responsável pela investigação criminal do acidente, afirmou que mais de 80 pessoas já foram ouvidas sobre o naufrágio.

Na mesma ocasião, ele também disse que ?duas ou três pessoas? devem ser indiciadas pelo acidente. ?Inicialmente, não constatamos dolo ou intenção de alguém de assumir risco. O que a gente observou foi desleixo, pouco caso, negligência e imprudência?, declarou.

A investigação sobre o caso na Marinha é administrativa e tem um prazo de 90 dias para ser finalizada, contados a partir de 23 de maio.

As conclusões serão enviadas ao tribunal marítimo, que pode punir os responsáveis com penas como multa e até suspender a permissão de uso da embarcação.

O naufrágio

O naufrágio do Imagination ocorreu por volta das 21h do dia 22 de maio, matando 9 pessoas. No momento do acidente, era realizada no barco uma festa organizada por uma empresária dona de um buffet.

Mais de cem pessoas estavam no barco quando ele afundou. Segundo a Marinha, o barco tinha capacidade para 90 passageiros e 2 tripulantes.

O Corpo de Bombeiros trabalhou no caso durante o resgate das vítimas, depois na busca dos corpos e na ação de içamento do Imagination. A retirada do barco do fundo do lago foi feito com globos de reflutuação e um barco rebocador.

Muitas tentativas foram feitas e, durante elas, o barco naufragado chegou a virar e ficar com o casco para cima e ser atingido por uma lancha. Após a retirada do Lago Paranoá, o Imagination está abandonado em área no Trecho 2 do Setor de Clubes Sul.

Fonte: g1, www.g1.com.br