Dilma Rousseff divulga nota e lamenta morte do empresário Roberto Civita, presidente do Abril

Dilma Rousseff divulga nota e lamenta morte do empresário Roberto Civita, presidente do Abril

Civita morreu na noite de domingo, aos 76 anos, por falência múltipla dos órgãos

A presidente Dilma Rousseff lamentou nesta segunda-feira a morte do empresário Roberto Civita, presidente e editor do grupo Abril e fundador da revista "Veja".

"Lamento a morte do empresário Roberto Civita. Sob seu comando, a Editora Abril se consolidou como uma referência", diz uma nota oficial divulgada pela chefe de Estado.

"Neste momento de tristeza, envio meu abraço solidário para sua mulher, Maria Antonia, seus filhos e amigos", conclui a nota.

Civita morreu na noite de domingo, aos 76 anos, por falência múltipla dos órgãos no hospital Sírio Libanês, em São Paulo, onde estava internado desde fevereiro.

O empresário, nascido em Milão, era filho de Victor Civita, o criador do Grupo Abril, um conglomerado editorial e de meios de comunicação com 9 mil empregados, vendas anuais de cerca de US$ 1,5 bilhões e que tem como locomotiva a Editora Abril, que publica 52 revistas com 4,7 milhões de subscritores.

Uma dessas revistas é "Veja", fundada pelo empresário falecido em 1968 e considerada uma das publicações mais críticas do Governo Dilma e de seu antecessor e padrinho político Luiz Inácio Lula da Silva. EFE

Fonte: Yahoo