Doações de órgãos devem aumentar no HUT, em Teresina

Doações de órgãos devem aumentar no HUT, em Teresina

O aumento de doações de córnea deste semestre foi 30% maior.

O número de doação de órgãos no Hospital de Urgência de Teresina deverá crescer nos próximos meses. Dados divulgados pela Comissão Intra-Hospitalar de Doação de Órgãos e Tecidos do hospital já mostram essa tendência. O aumento de doações de córnea deste semestre foi 30% maior do que o total apresentado no mesmo período o ano passado.

O motivo do crescimento projetado para os próximos meses é o fato de o hospital ter adquirido o aparelho necessário à realização do exame de eletroencefalograma - EEG - que é um dos exames utilizados para confirmar o diagnóstico de morte encefálica. ?Antes, para comprovar a morte cerebral tínhamos que realizar, além de outros procedimentos, a arteriografia cerebral, mas isso não era feito no HUT e tínhamos que deslocar o paciente, o que só era possível com pacientes que estavam em ótimas condições. Por isso, acabávamos perdendo muitas chances de transplantes. Com o novo aparelho, o exame é realizado no hospital e no próprio leito do paciente?, disse a gerente da Comissão Intra-Hospitalar de Doação de Órgãos e Tecidos do HUT, Nadja Miranda.

Mas esse crescimento não está restrito apenas à doação de córnea. Durante todo o primeiro semestre nenhuma doação de múltiplos órgãos havia sido realizada no hospital. Depois que o aparelho foi adquirido, só no mês de junho, o hospital chegou a três doações de múltiplos órgãos. ?Sei que esse número ainda é pouco em comparação com o grandes centros de captação e doação de órgãos, mas já significa um avanço?, disse Nadja.

Além da Comissão Intra-Hospitalar do HUT, outro órgão que atua na área de captação e doação de órgãos em Teresina é a Organização de Procura de Órgãos e Tecidos, criada recentemente pelo Ministério da Saúde, e que atua em todos os hospitais da cidade, tanto particulares como públicos, buscando possíveis doadores.

Fonte: Pollyanna Carvalho