Dona-de-casa descobre localização de mais de dez agulhas no corpo e na nunca

Exame apontou objetos na nuca, perto da coluna, e no abdome

Uma dona-de-casa de 42 anos descobriu, no último fim de semana, a localização de mais de dez agulhas espalhadas pelo corpo. Ela já teria conhecimento de algumas agulhas, mas procurou um médico em Santa Maria (RS) depois de sentir dores muito fortes.

Após um exame, foram identificados pelo menos 12 objetos pontiagudos – dez na nuca, próximos à coluna, e dois no abdome. A mulher afirmou que era agredida pelo ex-marido e diz que ele teria espetado os objetos. A dona-de-casa afirmou que foi usada pelo ex-marido em um ritual religioso. Ela morava no interior de Santa Catarina e se mudou para Santa Maria, no Rio Grande do Sul, em busca de refúgio.

A mulher conta que chegou a registrar queixa contra o ex-companheiro, mas desistiu do processo por medo de vingança. “Ele disse que era para eu nunca deixá-lo. Que ele iria cuidar de mim em uma cadeira de rodas, mas que eu ficaria ali, ao lado dele”, disse.

O médico Juliano Rigon, que atendeu a dona-de-casa, explica que ela não deverá passar por cirurgia no momento. Porém, aumentou a dose de medicamentos contra a dor. “Esse caso já vem de dois, três anos. No momento, nós entendemos que não há risco iminente.”

Fonte: g1, www.g1.com.br