Mulher com silicone da PIP: "É uma bomba atômica dentro da gente"

No começo de 2010, uma nova mamografia indicou a ruptura, que já estava mais avançada, e um exame de ressonância magnética comprovou o vazamento

?É uma bomba atômica dentro da gente?. É assim que a carioca Denise Villar Berretta, que colocou implantes mamários da marca PIP em 2007, define a prótese da fabricante francesa.

Dois anos depois de fazer a cirurgia plástica para colocar o silicone, Denise percebeu um nódulo na mama esquerda, perto da axila, mas a mamografia não apontou nada.

No começo de 2010, uma nova mamografia indicou a ruptura, que já estava mais avançada, e um exame de ressonância magnética comprovou o vazamento. Ela decidiu pagar pela cirurgia de troca do implante, retirando o material com problema.

Mas ela relata que, recentemente, seu médico encontrou um pequeno tumor causado pela impregnação de silicone. ?Estou sentindo as consequências até hoje?, lamenta. Denise diz ainda que sofre com dores e inchaços que atrapalham sua atividade como artista plástica.



Chateada com os médicos

Após a retirada do implante da PIP, Denise colocou nos seios o implante da marca que queria desde o início. Ela conta que, em 2007, foi convencida por sua médica a escolher a PIP, e a razão teria sido econômica. ?Estou muito chateada com a classe médica de maneira geral?, resume Denise.

Segundo ela, há relatos de outras mulheres que passaram por situações parecidas. Uma paciente teria ouvido de sua médica que o implante da PIP ?anatomicamente ficaria melhor no biotipo dela?.

"Tem que tirar logo"

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) anunciou nesta quarta-feira (11) que o SUS vai pagar a troca das próteses nos casos em que houver risco de ruptura. ?Acho que foi um grande passo à frente?, comemora Denise.

Porém, enquanto não houver deformidade nos implantes, o sistema de saúde pública vai apenas monitorar as pacientes.

?É muito prático em termos de despesa, mas não é o ideal?, afirma a artista plástica. A opinião de Denise é que ?tem que tirar logo, porque vai romper um dia, com certeza?.

Fonte: g1.com.br