41% dos brasileiros não devem presentear pais, diz pesquisa

18% alegaram falta de dinheiro e 61% afirmaram motivos pessoais.

Neste Dia dos Pais, 41% dos consumidores não devem comprar presente para comemorar a data, segundo pesquisa encomendada pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil), divulgada nesta sexta-feira (3).

Do total de entrevistados que não devem ir às compras, 18% alegaram falta de dinheiro e 61% afirmaram que não darão presentes por motivos pessoais (pai falecido, doente, distante, entre outros).

A expectativa de baixo crescimento nas vendas já era esperada pela Confederação Nacional dos Lojistas (CNDL). A estimativa é de que o aumento fique em torno de 3,5% em relação ao mesmo período do ano passado, quando as perspectivas de crescimento foram mais otimistas: 8%.

Quantos às formas de pagamento, 79% dos consumidores estão dispostos a pagar à vista, com dinheiro (62%), cartão de débito (4%) ou com cartão de crédito em uma única parcela (13%).

Roupas e calçados são os itens mais cotados das intenções de compra (56%). Itens de perfumaria e cosméticos aparecen em segundo lugar, com 11%. No entanto, 32% dos consumidores ainda estão em dúvida e não definiram com o que vão presentear. Quando perguntados sobre quanto pretendiam gastar com o presente neste ano, 34% declararam valores entre R$ 50 e R$ 100.

Fonte: G1