52 milhões de brasileiros deixaram de pagar contas nos últimos cinco anos

Cada consumidor inadimplente tinha, em média, 2,044 dívidas em atraso.

Até o final de fevereiro de 2014, 52 milhões de brasileiros tinham deixado de pagar ao menos uma dívida nos cinco anos anteriores, segundo estimativa do SPC Brasil, divulgada nesta quinta-feira (13).

Os dados apontam que houve alta na inadimplência na passagem de janeiro para fevereiro, de 1,95% ? a maior nesse tipo de comparação desde fevereiro de 2010, início da série histórica. No mês passado, a inadimplência teve uma alta de 5,54% em relação ao mesmo mês de 2013 ? em fevereiro do ano passado, de 5,34%.

Em nota, a economista do SPC Brasil Luiza Rodrigues avalia que, após a inadimplência ter perdido força no fechamento do ano de 2013, o indicador tem mostrado alta neste início de ano.

O resultado, diz ela, reflete as compras não planejadas e contraídas em forma de parcelas no Natal do ano passado, assim como nas liquidações de janeiro, além do comprometimento do orçamento familiar com pagamentos de despesas típicas de início de ano, como IPTU, IPVA e gastos escolares.

Número de dívidas atrasadas

O número de dívidas em atraso registradas na base de dados do SPC Brasil cresceu 3,02% em fevereiro de 2014 na comparação com igual período do ano passado. Já na comparação com o mês anterior, a alta foi de 0,8%.

A pesquisa estima que cada consumidor inadimplente tinha, em fevereiro, 2,044 dívidas em atraso.

Dados da Serasa mostram queda

Os números da Serasa Experian, divulgados também nesta quinta-feira, vão ao encontro do SPC Brasil. O indicador que mede a Inadimplência do consumidor medido pela Serasa registrou queda de 1,7% em fevereiro, na comparação com o mês anterior. Na variação anual, fevereiro de 2014 contra o mesmo mês de 2013, a retração foi ainda maior, de 2,3%.

Fonte: G1