Anvisa libera lotes do AdeS, mas mantém veto ao suco danificado

Anvisa libera lotes do AdeS, mas mantém veto ao suco danificado

A Unilever informou que o problema na qualidade de produtos atingiu apenas as 96 unidades de AdeS sabor maçã

A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) liberou a comercialização de lotes do AdeS de diversos sabores, nas apresentações 1 litro e 1,5 litro, que estavam suspensas por precaução desde o episódio de contaminação de um lote do AdeS maçã, em meados do mês passado.

Manteve, porém, a proibição de comercialização do lote defeituoso (identificado por AGB25, é o AdeS sabor maçã embalagem 1,5 litro).

Segundo a agência, a liberação dos demais lotes ocorre após análise do relatório elaborado pela vigilância sanitária local, que visitou a fábrica em Minas Gerais, e após a empresa fabricante ter apresentado explicações que estavam pendentes.


Anvisa libera lotes do AdeS, mas mantém veto ao danificado

A nova determinação foi publicada no "Diário Oficial" da União desta segunda-feira (8).

Uma semana antes da suspensão nacional de 96 unidades do suco de maçã AdeS pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), um adolescente de 17 anos sofreu queimaduras graves na boca e na língua após ingerir o produto da mesma marca e sabor em Ribeirão Preto (313 km de São Paulo).

A Unilever informou que o problema na qualidade de produtos atingiu apenas as 96 unidades de AdeS sabor maçã, 1,5 litro, lote AGB25, produzidas na linha TBA3G em Pouso Alegre (MG).

A empresa disse que, desde o dia 13, quando o problema foi descoberto, nenhum produto fabricado nessa linha foi distribuído ao mercado e que a linha de produção não está em funcionamento.

A fabricante informou ainda que já iniciou o cumprimento das determinações da Anvisa retirando do mercado as bebidas produzidas na linha que teve o problema.

Fonte: Folha