Após manhã de alta, dólar fecha quase estável

Moeda norte-americana teve queda de 0,06%, para R$ 1,777

A recuperação das bolsas de valores durante a tarde permitiu que o dólar terminasse a quinta-feira (8) perto da estabilidade, anulando a alta do início da manhã em meio a um ambiente de preocupação com a Grécia.

A moeda norte-americana teve ligeira baixa de 0,06%, para R$ 1,777 na venda. No mês, o dólar acumula queda de 0,22% e no ano, alta de 1,95%. Na máxima do dia, o dólar chegou a valer R$ 1,789.

"(A recuperação do real) foi basicamente em função da virada das bolsas", disse Mario Battistel, gerente de câmbio da Fair Corretora.

De acordo com profissionais de mercado, um dos principais motivos para o fôlego da Bovespa - cujo principal índice tem se mantido nos maiores níveis em 22 meses - tem sido o interesse de estrangeiros em ativos brasileiros. Segundo dados da bolsa, o fluxo internacional para o mercado acionário brasileiro em abril subiu para R$ 1,08 bilhão no dia 6.

O ímpeto foi freado no começo do dia por causa do medo de que a Grécia não honre os compromissos que tem para os próximos meses. O país, mesmo com o pacote de ajuda financeira do Fundo Monetário Internacional (FMI) e da União Europeia, ainda desperta a desconfiança do mercado por conta da situação do sistema financeiro local, que pediu ajuda ao governo.

Fonte: g1, www.g1.com.br