Arrecadação federal cai pelo quarto mês seguido, diz Receita

A queda da lucratividade das empresas diminuiu a arrecadação com Imposto de Renda.

A arrecadação do governo federal caiu em setembro pelo quarto mês seguido. No mês passado, entraram R$ 78,2 bilhões nos cofres da Receita Federal. Descontada a inflação do período, esse valor é 1,08% menor que o registrado em setembro de 2011.

A arrecadação acumulada entre janeiro e setembro de 2012 foi de R$ 751,791 bilhões, valor que representa uma alta real (ou seja, descontada a inflação) de apenas 0,67% na comparação com o arrecadado nos primeiros nove meses do ano passado.

O desempenho ruim da arrecadação nos últimos meses é reflexo do ritmo mais fraco da atividade econômica observado neste ano, que reduziu os impostos recolhidos sobre a produção industrial.

A queda da lucratividade das empresas também diminuiu a arrecadação com Imposto de Renda.

Além disso, as desonerações promovidas pelo governo para reanimar a economia provocaram perdas de receita com impostos sobre carros e eletrodomésticos, entre outros. Pesou ainda a desoneração da folha de pagamento de alguns setores, medida que foi adotada para elevar a competitividade da economia brasileira e será ampliada em 2013.

Outro imposto que foi reduzido neste ano foi a Cide (cobrado sobre combustíveis). A redução teve como objetivo evitar que a o reajuste do preço da gasolina chegasse aos consumidores.

Fonte: Folha