Balneário Curva São Paulo passa por revitalização

Balneário Curva São Paulo passa por revitalização

Numa iniciativa livre, um grupo de permissionários resolveu no último domingo realizar uma manhã de lazer marcando a revitalização do Balneário.

Usada pelos teresinenses como ponto de lazer há 18 anos, a Curva São Paulo passou por uma ampla reestruturação e no dia 19 de agosto deste ano irá comemorar 3 anos da sua nova fase onde foram construídos 45 pontos de comércio para os permissionários que já trabalhavam no local. O problema é que, com as fortes chuvas do inverno de 2009, o local foi duramente castigado pela cheia do Rio Poty e, desde então, os permissionários vem reclamando dos estragos que ficaram após as enchentes e da pouca movimentação de turistas e populares.

Numa iniciativa livre, um grupo de permissionários com o apoio da Superintendência de Desenvolvimento Urbano (SDU Sudeste) resolveu no último domingo, dia 6, realizar uma manhã de lazer marcando a revitalização do Balneário. A manhã de lazer marcou o início da recuperação do parque que teve toda a sua área iluminada, reestruturação das quadras de esportes e dos banheiros que se encontravam bastante deteriorados além de ter ganho uma ampla limpeza.

“Essa revitalização é muito importante para nós permissionários já que desde a enchente temos enfrentado alguns problemas, mas agora, muita coisa já foi feita para melhorar e unidos a gente vai conseguir voltar a ser como era antes da cheia do rio”, pontua animada a permissionária Maria Dalva do Nascimento que revela, “nesse domingo o movimento foi muito bom, tanto que tive que contratar mais uma pessoa pra atender e ajudar na cozinha”. De acordo com o superintendente da SDU – Sudeste, Paulo Roberto de Oliveira Santos, desde que assumiu a Superintendência, ouvir os permissionários sobre as dificuldades enfrentadas por eles na Curva São Paulo foi uma prioridade. “Tivemos essa sensibilidade e fizemos algumas reuniões para saber das demandas, algumas foram solucionadas como a reforma dos banheiros e a iluminação”, explica. O superintendente ainda destaca que agora o próximo passo será a conclusão da cobertura dos palcos e a licitação para a implantação de um poço tubular para atender a todos os bares e também para a estruturação de chuveirões. A permissionária Antônia Maria do Nascimento, mais conhecida como Tonica, se diz animada com todas as atividades de revitalização e afirma, “as pessoas devem vir conhecer a curva são paulo porque é uma ambiente familiar, arejado e uma opção de lazer no meio da cidade”. (M.R.)

Fonte: Marcilany Rodrigues