Banco do Nordeste faz premiação de agricultores e microempreendedores

Os oito clientes vencedores foram eleitos por meio de comissões julgadoras, compostas por representantes do Governos Federal e Estadual

Amanhã (18), microempreendedores e agricultores familiares serão premiados na solenidade do X Prêmio de Microcrédito e II Prêmio da Agricultura Familiar do Banco do Nordeste. Criados a partir de 2002, os eventos de premiação tem por objetivo reconhecer e estimular as iniciativas de sucesso financiadas pelos programas de microcrédito orientado e de agricultura familiar do Banco do Nordeste, em toda sua área de atuação.

No Piauí, a premiação será às 16h, no Luxor Piauí Hotel. Os oito clientes vencedores foram eleitos por meio de comissões julgadoras, compostas por representantes do Governos Federal e Estadual e Entidades de classe que se basearam pelos critérios de expansão e lucratividade dos negócios, evolução das compras, capacitação, investimento na melhoria da qualidade de vida da família, acesso ao crédito, nível de tecnologia empregado e aspectos ambientais e todos os clientes vencedores receberão um troféu e um prêmio em dinheiro no valor de R$ 1.500,00.

Os programas de microcrédito produtivo orientado do Banco do Nordeste, Crediamigo e Agroamigo, e o Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) já financiaram mais de R$ 8,2 bilhões na região Nordeste em 2012. O que torna o Banco do Nordeste o principal agente financeiro do Pronaf e reconhecido internacionalmente pelas iniciativas de microcrédito orientado.

Somente no primeiro semestre deste ano, o programa Agroamigo já desembolsou R$ 57,7 milhões em mais de 22 mil operações rurais no estado. O Crediamigo no Piauí alcançou até agosto desse ano um total de 299 mil operações contratadas, acumulando aplicações no volume de R$ 2 bilhões, que beneficiaram quase trezentos mil clientes urbanos. E o Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar destinou para Pronaf mais de R$ 84,3 milhões de janeiro a agosto desse ano contratando 7.272 operações de crédito junto aos agricultores familiares.

Fonte: Assessoria