BC diz que Brasil entrou em fase de expansão vigorosa

BC diz que Brasil entrou em fase de expansão vigorosa

Economia cresceu 4,3% nos últimos três meses de 2009 em relação a igual período de 2008

O resultado do PIB (Produto Interno Bruto) no quarto trimestre confirma que, após um breve período de recessão, a economia brasileira entrou na fase de expansão vigorosa. A avaliação é do presidente do Banco Central, Henrique Meirelles.

O IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) divulgou hoje que a economia brasileira teve expansão 4,3% nos últimos três meses de 2009 em relação a igual período de 2008 e cresceu 2% sobre o terceiro trimestre do ano passado.

- No quarto trimestre de 2009 os destaques foram, pelo lado da oferta, o crescimento da indústria e, pelo da demanda, a expansão do investimento, evidenciando a retomada da confiança nas perspectivas de nossa economia ? diz Meirelles em nota.

Considerando todo o ano de 2009, entretanto, a economia brasileira encolheu 0,2%, na comparação com 2008. Esse é o primeiro resultado negativo desde 1992, quando a queda foi de 0,5%. Em valores absolutos, a economia do país movimentou R$ 3,143 trilhões no ano passado.

O PIB é um dos principais indicadores da economia de um país e representa a soma das riquezas geradas pelo conjunto dos diversos setores da cadeia produtiva. Ele é calculado trimestralmente pelo IBGE e quando aponta geração de riqueza inferior à observada no levantamento anterior, indica retração econômica. A recessão técnica é observada quando o movimento de queda ocorre por dois meses consecutivos.

Fonte: R7, www.r7.com