Caixa segue Banco do Brasil e reduz tarifa de serviço bancário

Cortes chegam a 25% e também beneficiam empresas.

Dois dias depois do Banco do Brasil, a Caixa Econômica Federal anunciou, nesta quarta-feira (10), o corte de tarifas de serviços como fornecimento de extrato e transferências.

Os novos valores entrarão em vigor na próxima segunda-feira (15) e representam uma redução de 25%. Eles serão válidos tanto para clientes novos quanto para os antigos.

Os saques, que antes custavam R$ 1,30, passam a valer R$ 1,15; extratos mensais passam a custar R$ 1,45 ? até então, a tarifa era de R$ 1,35.

Transferências entre contas da Caixa passam a custar R$ 0,90, ante R$ 1 da tarifa anterior. Entre bancos diferentes, a tarifa cai de R$ 13,50 para R$ 12,85 (quando feita presencialmente) e de R$ 7,50 para R$ 6,50 se realizada nos caixas eletrônicos.

O fornecimento de folhas de cheque passa a custar R$ 1,05 ante R$ 1,20.

O pacote padronizado pelo Banco Central, que inclui confecção de cadastro para início de relacionamento, oito saques, quatro extratos do mês corrente, dois extratos do mês anterior e quatro transferências mês entre contas do mesmo banco, caiu de R$ 10 para R$ 9,50.

Fonte: R7, www.r7.com