Cerveja fica 15,3% mais cara neste Natal, diz supermercados

O segundo produto que teve alta nos preços foi o frango congelado, com 15,2% de variação

A cerveja é o produto que mais sofreu variação de preço na época de final de ano, em relação a 2011. Um levantamento realizado pela Abras (Associação Brasileira de Supermercados) revelou que a bebida estará 15,3% mais cara este ano.

O segundo produto que teve alta nos preços foi o frango congelado, com 15,2% de variação. Dos cinco produtos que tiveram maior alta de preços, quatro são bebidas, conforme mostra a tabela:

Preços no Final de Ano

Produtos Variação 2011-2012

Cerveja 15,3%

Frango Congelado 15,2%

Refrigerantes 14,3%

Espumantes/Frisantes 13,3%

Vinhos Nacionais 12,9%

Setembro

Os dados de outra pesquisa da Abras mostram que, em setembro, considerando uma cesta de 35 produtos de alto consumo, analisada pela GfK, houve alta de 2,16% nos preços, ante ao oitavo mês de 2012. Já em comparação com o mesmo mês do ano passado, o crescimento foi de 7,65%, passando de R$ 306,42 para R$ 329,87.

O produto que apresentou a maior alta foi a batata, com 29,78% de variação, em relação a agosto, seguida pela cebola (23,40%) e farinha de mandioca (12,91%). De acordo com o relatório da associação, um dos fatores que contribuíram para a alta do primeiro produto foi a redução da safra de inverno. Já a cebola e a farinha de mandioca sofreram com problemas climáticos.

Quanto aos produtos que apresentaram maiores quedas de preço no último mês, o tomate foi o que mais se destacou, com redução de 13,38%. O extrato de tomate e a carne dianteiro caíram 1,23% e 1,19%, respectivamente.

Fonte: UOL