Com carga tributária elevada, arrecadação de impostos sobe 12%

Com carga tributária elevada, arrecadação de impostos sobe 12%

O valor do mês passado não representa recorde histórico para meses de novembro

A arrecadação federal, que inclui impostos, contribuições federais e demais receitas, como os royalties, totalizou R$ 78,9 bilhões em novembro deste ano, informou nesta quinta-feira (15) a Secretaria da Receita Federal. No acumulado do ano, a arrecadação somou R$ 873,2 bilhões, quase 12% acima do registrado no mesmo período de 2010.

O valor do mês passado não representa recorde histórico para meses de novembro, sendo superado pela arrecadação registrada no mesmo mês de 2009 (R$ 84 bilhões, em valores já corrigidos pela inflação).

Trata-se da primeira vez, neste ano, que a arrecadação não bate recorde na comparação com igual período de anos anteriores. A série histórica da Receita tem início em 1995. "Em novembro de 2009, houve pagamento de depósitos judiciais, elevando a arrecadação. Deste modo, houve um comportamento atípico naquele mês", avaliou a secretária-adjunta da Receita Federal, Zayda Manatta.

Na comparação com novembro de 2010, porém, foi registrado um crescimento real (com valores já corrigidos pela inflação) de 6,39%. Embora o crescimento tenha permanecido, o ritmo da expansão segue baixo. Esta é a menor taxa de crescimento real deste ano e, pelo quarto mês consecutivo, a expansão ficou abaixo de 10%.

Em dezembro, a Receita Federal informou que espera queda da arrecadação frente ao mesmo mês do ano passado.

Fonte: G1