Com IPI menor, venda de carros deve ter o melhor junho na história

Número oficial de automóveis e comerciais leves emplacados sai nesta terça, 3

Impulsionadas pela redução no Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI), decretada em maio passado, as vendas de carros deverão ter o melhor junho na história. Os números oficiais serão divulgados nesta terça-feira (3) pela Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave). Segundo fontes do mercado, os emplacamentos no mês passado somaram 340,6 mil unidades, o que representaria uma alta de quase 20% na comparação mensal. Em maio, foram 274,4 mil, conforme a federação.

A Fenabrave fornece ainda, em seu site, os números de vendas de junho dos últimos 8 anos e em nenhum deles o total de vendas do segmento passou de 300 mil. Na comparação com junho de 2011, se confirmado esse número, a alta será de quase 16% - na ocasião foram comercializados 286.934 carros.

A média de vendas diárias de carros em junho também deverá ser histórica, com 17.033 unidades contra 12.470 em maio. O mês com maior números de carros vendidos ainda é dezembro de 2010, com 361.197 automóveis e comerciais leves negociados.

Só na primeira quinzena, o crescimento de vendas de carros foi de 19%, com 175.659, segundo balanço parcial divulgado pela Fenabrave. A expectativa da entidade era fechar o mês com 277.865 unidades vendidas.

Venda semestral

As vendas do primeiro semestre, no entanto, não deverão superar as registradas no mesmo período de 2012, quando houve recorde com 1.638.078 carros comercializados. Ainda segundo fontes, os emplacamentos de janeiro a junho deste ano, para esse segmento, somam 1.632.499.

O desconto no IPI para automóveis e utilitários vale até o dia 31 de agosto.

Fonte: G1