Com queda dos juros, Piauí já é o quarto Estado no setor varejista

A redução da taxa básica de juros (Selic) contribui diretamente para a melhoria na economia do Estado.

O ano de 2012 de fato promete ser promissor para o comércio no Piauí. Sinal disso é o bom desempenho do varejo nos primeiros meses deste ano. Os dados divulgados ontem (13) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) com relação ao mês de fevereiro colocaram o Piauí em quarto no ranking dos Estados que obtiveram melhores vendas no varejo ampliado, quando inclui o varejo e mais as atividades de veículos, motos, partes e peças e de material de construção.


Com queda dos juros, Piauí já é o quarto Estado no setor varejista

A taxa de desempenho apresentou crescimento de 7,9%. No levantamento com relação ao primeiro mês do ano, os dados já despontavam o crescimento do setor. Segundo o IBGE, o volume de vendas do comércio subiu 7,3% no mês de janeiro, comparado com o mesmo período de 2011. O crescimento é visível e os dados positivos mostram que o cenário da economia no Piauí está em plena expansão.

Entre os motivos para isso seguem diversos fatores, inclusive as facilidades de acesso ao crédito para o consumidor. Para o economista Valmir Falcão, a redução da taxa básica de juros (Selic) contribui diretamente para a melhoria na economia. ?Esse crescimento tem a ver diretamente com a redução da taxa de juros. Com essa medida do governo, há uma expansão de crédito, que consequentemente estimula o consumo.

Além disso, outros fatores contribuem para o aumento do consumo. A melhoria na geração de emprego e renda, bem como a desoneração do IPI (Imposto Sobre Produtos Industrializados) também têm papel

importante para o aumento no volume das vendas.

Fonte: Virgínia Santos