Comercio registra pior primeiro semestre dos últimos três anos

Comercio registra pior primeiro semestre dos últimos três anos

Lojas de material de construção tiveram o melhor resultado no período

A atividade do comércio no país registrou queda de 0,2% em junho na comparação com o mês anterior, segundo aponta o indicador da Serasa Experian, divulgado nesta quarta-feira (4). No entanto, no primeiro semestre deste ano, o movimento dos consumidores nas lojas de todo o país encerrou com alta de 7,6%. Segundo a pesquisa, esse foi o menor desempenho dos últimos três anos, já que, no primeiro semestre de 2011, a alta havia sido de 9,6% e, no mesmo período de 2010, avançara 10,7%.

Na avaliação dos economistas da Serasa Experian, os elevados níveis de endividamento e de inadimplência dos consumidores impediram um desempenho mais favorável da atividade varejista neste primeiro semestre de 2012. Por isso, os consumidores priorizaram o pagamento das dívidas em vez de fazer novos financiamentos.

De acordo com a Serasa, os setores que receberam incentivos do governo, como isenções tributárias, mostraram bom desempenho no período. Nas lojas de material de construção, o aumento foi de 7,7% sobre o primeiro trimestre de 2011, nas as lojas de veículos, motos e peças, o avanço foi de 7,4% e no comércio de móveis, eletroeletrônicos e informática, o crescimento foi de 5,2%.

As lojas de tecidos, vestuário, calçados e acessórios tiveram alta de 7,6% e os supermercados, hipermercados, alimentos e bebidas cresceram menos, 2,3%. O movimento no comércio que vende combustíveis e lubrificantes foi mais fraco em relação aos outros, mostrando alta de apenas 0,2%.

Fonte: G1