Comércio já recruta para vagas temporárias deste final de ano

Comércio já recruta para vagas temporárias deste final de ano

Quem está em busca de um lugar no mercado de trabalho já pode preparar o currículo para enviá-lo às lojas e começar a participar das seleções

Quem está em busca de um lugar no mercado de trabalho já pode preparar o currículo para enviá-lo às lojas e começar a participar das seleções que vão preencher oportunidades temporárias de fim de ano. E esse número deve crescer até o fim de novembro.

A gerente de Recursos Humanos da Randstan, Mônica Miguez, alerta para o fato de que as chances de emprego temporárias podem ser uma ótima porta de entrada para o mercado de trabalho.

-É importante se cadastrar e, quando for contratado, ter bom desempenho e se mostrar motivado -ensina.

Essa foi a receita que a gerente Paula Araújo, de 39 anos, seguiu quando conseguiu uma vaga de extra-natal, em 2001, numa loja de roupas masculinas.

-Corri atrás para bater metas e cotas de vendas. Tem que ter energia para trabalhar no setor -afirma Paula.

Quando ingressou na loja, não havia vaga efetiva disponível, mas Paula não desanimou. Nesse período, uma funcionária foi promovida, e ela pôde ser contratada. Seis meses depois, virou vendedora responsável e, em 2002, ganhou o cargo de gerente.

-Faço cursos de varejo para me aperfeiçoar. Acredito que quem está começando deve ter um bom relacionamento com a equipe e chegar sempre na hora -orienta.

Para Mônica Miguez, essa é a melhor época para arrumar um emprego.

-Mas é preciso gostar de lidar com o público, ter atitude e comprometimento -diz.

É possível crescer

Uma das vantagens de trabalhar no comércio é a possibilidade de ter um rápido crescimento profissional. Um auxiliar de estoque pode se transformar em vendedor em apenas seis meses. De olho nesse tipo de oportunidade, Jeferson Duarte, de 23 anos, ingressou numa rede de lojas de roupas masculinas, em 2009, como temporário.

-Eu trabalhava como auxiliar de serviços gerais, e hoje atuo como vendedor. Quero crescer cada vez mais. Por isso, optei por essa vaga. Vou começar a faculdade em janeiro -planeja Jeferson.

O jovem trabalha desde os 14 anos, mas muitos dos temporários são admitidos para sua primeira oportunidade no mercado de trabalho.

-Os novatos têm preferência porque não têm vícios, mas o comércio oferece vagas para todos, inclusive para as pessoas mais maduras -diz a gerente de Recursos Humanos da Randstan, Mônica Miguez.

Para este ano, a expectativa é que haja 10% mais contratações do que em 2012. Geralmente, as seleções têm etapas como triagem de currículos, entrevistas em grupo, provas e entrevistas individuais no próprio local de trabalho.

Fonte: Extra