Comprar presente após o Natal pode gerar economia de até 90%

Comprar presente após o Natal pode gerar economia de até 90%

O fim das promoções está previsto para entre 15 e 20 de janeiro.

Para quem não se importa em deixar os amigos e familiares sem presentes no dia de Natal, esperar um pouco pode resultar em uma boa economia. Um grupo de lojas promete um "saldão" virtual, que entra em operação a partir da 0h do dia 25 de dezembro, com descontos de até 90%, enquanto shoppings de São Paulo preveem preços até 70% menores a partir do dia 27.

Segundo a empresa de pagamento online Braspag, no ano passado o "saldão" de suas afiliadas (por meio do site www.saldaonainternet.com.br) movimentou cerca de R$ 10 milhões e a projeção para este ano é de dobrar o volume de vendas para R$ 20 milhões no período. Antes do dia 25, os internautas têm apenas uma promoção por dia - os produtos ofertados são escolhidos no dia anterior por meio de votação entre três opções. O fim das promoções está previsto para entre 15 e 20 de janeiro.

Esperando os consumidores que voltam aos shoppings para as trocas de presentes, o Shopping Metrô Tatuapé e o Boulevard Tatuapé organizaram, entre 27 a 31 de dezembro, descontos de até 70% nas mercadorias. Cerca de 600 lojas ficarão abertas das 10h às 22h, entre os dias 27 e 30, e das 10h às 18h no dia 31.

Também no dia 27, a Eletrônica Santana preparou um saldão de telefones sem fio, GPS, roteadores e receptores de TV Digital, com até 60% de desconto. A liquidação vai até 15 de janeiro.

Virtual

Segundo pesquisa da consultoria Gfk, apenas 5% dos brasileiros usarão a internet para fazer suas compras de Natal. O número é igual ao registrado na pesquisa para Europa, mas inferior ao total americano, onde 15% usarão a rede para comprar itens para a época. No Brasil, 16% devem gastar valor superior a R$ 580 em suas compras no período.

Fonte: Terra, www.terra.com.br