Consumo de energia elétrica sobe 3,6% no 1º semestre no país

Em relação a todo o ano de 2011, nova previsão indica alta de 3,6%

O consumo nacional de energia elétrica totalizou 212.951 gigawatts-hora (GWh) no primeiro semestre de 2011, um crescimento de 3,6% sobre o mesmo período de 2010, divulgou nesta terça-feira (26) a Empresa de Pesquisa Energética (EPE).

De acordo com relatório divulgado pela empresa, o aumento do consumo foi generalizado em todas as categorias de consumidores, destacando-se o setor de comércio e serviços, cujo consumo expandiu 5,7%.

O consumo industrial aumentou 3% no semestre, abaixo das expectativas, o que motivou a revisão das projeções do consumo de energia em 2011.

No final do ano passado, considerando as expectativas de então, a EPE havia fixado em 441 terawatts-hora (TWh) a previsão do consumo de energia no Brasil em 2011. Isso indicava um crescimento de 5,4% sobre a demanda registrada em 2010. A nova previsão da EPE é de 430 TWh, alta de 3,6%.

?Espera-se, para 2011, crescimento mais moderado da atividade econômica e, consequentemente, do consumo de eletricidade ? em especial no segmento industrial?, diz o relatório.

Primeiro semestre

No primeiro semestre de 2011, o consumo residencial no país superou 56 TWh, aumento de 4,1% em relação a 2010. Em nível nacional, essa expansão foi resultado da ampliação na base de consumidores, que cresceu 3,6% ou 2 milhões de novas ligações, diz a EPE. O crescimento do consumo médio por residência foi pequeno, de 0,4%, fixando- se em 159,4 kWh/mês.

O consumo de energia elétrica no setor de comércio e de serviços foi de 36.981 GWh, aumento de 5,7%. Foi a maior taxa de crescimento entre as classes de consumo.

Só em junho, o consumo na rede elétrica brasileira totalizou 34.909 GWh, 2,2% acima de igual mês de 2010. O aumento foi puxado pelo setor de comércio e serviços, cuja demanda expandiu 5,5% no mês. ?Apesar de representar apenas 16% do total, esse segmento foi responsável por 40% do aumento do consumo no mês?, diz a EPE.

Fonte: G1