Cooperativas nacionais vendem mais ao exterior

As cooperativas brasileiras registram crescimento de 28,4% nas exportações

As cooperativas brasileiras registram crescimento de 28,4% nas exporta?es do primeiro semestre deste ano, em rela??o ao mesmo per?odo de 2007. Na contram?o, as cooperativas do Cear? permanecem ? margem do mercado internacional, n?o tendo realizado nenhuma exporta??o ao longo deste ano. No Pa?s, as vendas do setor ao mercado externo somaram US$ 1,86 bilh?o nos seis primeiros meses deste ano, contra US$ 1,45 bilh?o no mesmo per?odo do ano passado. A performance resulta da comercializa??o de produtos do complexo soja, carnes e setor sucroalcooleiro oriundos do Paran?, S?o Paulo e Rio Grande do Sul.

Os dados s?o do levantamento da Ger?ncia de Mercados da Organiza??o das Cooperativas Brasileiras (OCB), tendo por base informa?es do Minist?rio do Desenvolvimento, Ind?stria e Com?rcio Exterior (MDIC). A an?lise indica ainda que a balan?a comercial do setor apresentou super?vit de US$ 1,6 bilh?o, com crescimento de 19,53% em rela??o ao primeiro semestre de 2007. No mesmo per?odo, as cooperativas brasileiras importaram US$ 277,87 milh?es.

Conforme o estudo, os valores exportados e a cota??o do d?lar apresentaram comportamentos inversos. Mesmo com os desafios impostos ? exporta??o da produ??o, como a valoriza??o do real de 42,9% nos meses de janeiro a junho entre 2004 e 2008, as cooperativas registraram receitas cambiais crescentes. As varia?es nas exporta?es do setor cooperativista superaram ?s brasileiras nos primeiros semestres de 2007 e 2008. De janeiro a junho do corrente ano, a superioridade foi de 19,39%, considerando o incremento de 28,4% das exporta?es das cooperativas com as vendas externas brasileiras (23,8%).

Fonte: Diário do Nordeste, www.diariodonordeste.com.br