Crédito imobiliário vai ganhar mais espaço no começo de 2011

Crédito imobiliário vai ganhar mais espaço no começo de 2011

Previsão da Serasa é de que empréstimos ao setor cresçam entre consumidores e empresas

O mercado de crédito deve avançar ainda mais na área de crédito imobiliário, como reflexo do aumento na concessão de empréstimos às empresas e aos consumidores. É o que mostra uma pesquisa divulgada nesta segunda-feira (1º) pela empresa de análise de crédito Serasa Experian sobre o cenário econômico nos próximos seis meses.

O Indicador de Perspectiva do Crédito às Empresas avançou 0,2% entre agosto e setembro deste ano, para um patamar de 103,1 pontos. O Indicador de Perspectiva do Crédito ao Consumidor caiu 1,8% no mesmo período, a sétima queda mensal consecutiva, para 100,5 pontos.

Esses números mostram que as operações de crédito às empresas vai acelerar entre este fim de ano e o início de 2011, ao mesmo tempo em que os empréstimos para as pessoas físicas vão continuar crescendo, mas de forma mais modesta.

O setor imobiliário aparece como um grande alvo da procura dos consumidores e das empresas. Os economistas da Serasa Experian explicam que a demanda é resultado da disposição das pessoas físicas em consumir.

- A disposição das pessoas físicas em aumentar seus níveis de endividamento se mantém elevada, indicada por fatores como confiança dos consumidores em alta e mercado de trabalho em momento favorável. Neste sentido, o indicador sinaliza que as operações de crédito imobiliário, deverão continuar se destacando em termos de evolução da carteira de crédito do sistema financeiro.

A Serasa diz que daqui até o final do primeiro trimestre de 2011 (entre janeiro e março) haverá a retomada de um ritmo de crescimento um pouco mais acelerado para economia brasileira após o enfraquecimento observado durante o período entre abril e setembro deste ano.

- Além disso, há também a queda gradual do risco e da inadimplência das pessoas jurídicas.

Fonte: R7, www.r7.com