""Crise será pior sem pacote"", diz Bush

O plano, de US$ 700 bilhões, foi rejeitado pela Câmara na segunda-feira

O presidente dos Estados Unidos, George W. Bush, voltou a pedir nesta ter?a-feira (30) a a??o do Congresso norte-americano na aprova??o do pacote de ajuda aos mercados financeiros. O plano, de US$ 700 bilh?es, foi rejeitado pela C?mara na segunda-feira.

"Reconhe?o que ? um voto dif?cil para os membros do Congresso. Mas a realidade ? que estamos numa situa??o urgente e as conseq??ncias ficar?o piores a cada dia", afirmou Bush em pronunciamento na Casa Branca.

A rejei??o do pacote pela C?mara dos EUA provocou um "terremoto" nos mercados financeiros na segunda-feira. A Bolsa de Valores de S?o Paulo (Bovespa) teve a maior queda desde de janeiro de 1999, recuando 9,36%.

O indicador-refer?ncia para o mercado de Nova York, o Dow Jones fechou em queda de quase 7%, ou 777 pontos, um recorde que superou as perdas do dia 17 de setembro de 2001, quando a Bolsa de Nova York voltou a operar ap?s os ataques terroristas de 11 de setembro.

Fonte: g1, www.g1.com.br