Banana é o produto mais vendido no estado do Piauí

Banana é o produto mais vendido no estado do Piauí

Cotação dos preços é usada para aferir índice da inflação

A banana é uma das frutas mais nutritivas que existem e depois da maçã, é a fruta mais consumida em todo mundo. No entanto, no gosto do piauiense não é bem assim e a banana consta no topo do ranking dos produtos mais vendidos na Central de Abastecimento do Piauí (Ceapi), reinando absoluta como a preferida da maioria da população.

A lista com os produtos mais vendidos na Ceapi é feita mensalmente, junto com a verificação diária da cotação dos preços dos produtos comercializados. Para se ter uma ideia do quanto a fruta está entre as mais consumidas nos lares piauienses, enquanto a banana lidera o ranking com 3.435,5 toneladas somente no mês de abril, a maçã, que é a preferência mundial figura na 8ª colocação com 1.100 toneladas comercializadas. João Cícero Lima, auxiliar técnico da Ceapi, revela que não foi só no mês de abril que a fruta ocupou tamanho destaque.

“Fazemos esse levantamento todos os meses e sempre a banana figura entre os preferidos”. Ele diz acreditar que o gosto do piauienses pela banana é positivo porque se trata de um produto que temos uma produção interna boa e o fato de estar entre os produtos mais consumidos fortalece a economia local. “Dessas cerca de 3.500 toneladas de banana comercializadas em abril aqui na Ceapi, a produção interna correspondeu a 670 toneladas da fruta".

 Os números da Ceapi no mês de abril foram positivos para o período, de acordo com a análise do responsável pela aferição dos números do ranking e da cotação diária de preços, o auxiliar técnico João Cícero Lima. Só no último mês, foram comercializadas 28.238 toneladas de frutas, hortaliças, verduras, aves e pescados na Ceapi. Ainda assim, a comercialização desses produtos em abril foi inferior ao mês de março com uma diferença de 801,3 toneladas a menos.

“Esse índice de comercialização em abril menor do que março foi normal, tendo em vista que no mês anterior devido à semana santa o consumo e demanda foi bem maior. Para este mês de maio esperamos um incremento maior por conta de que se se avizinha a safra da melancia em Barras”, explica o técnico.

A maior importância da existência do ranking e da pesquisa diária de preços Ceapi se dá por que é através dela que a Fundação Cepro, por exemplo, afere e calcula o valor da inflação dos alimentos e a influência dos preços praticados na cesta básica.

Além disso, os preços aqui no estado são repassados todos os dias para a Conab em Brasília que divulga um boletim com os pregão dos principais produtos das Centrais de Abastecimento em todo o país. Embora a banana seja o carro chefe da comercialização aqui no Piauí, outros produtos também movimentam esse rico mercado a exemplo de outras frutas como a laranja, o coco e a melancia e também as hortaliças como a cebola, o tomate e a batata.

Fonte: Marcilany Rodrigues