Demanda do consumidor por crédito cresce 6,5% em outubro, diz Serasa

De acordo com a Serasa, no acumulado do ano a demanda por crédito cresceu 3,6%

A demanda do consumidor por crédito aumentou 6,5% em outubro, recuperando-se da queda de 9,8% registrada no mês imediatamente anterior, segundo informações divulgadas nesta quinta-feira pela Serasa Experian. Contudo, na comparação com o mesmo mês no ano passado, houve recuo de 5,2% na demanda por crédito.

De acordo com a Serasa, no acumulado do ano a demanda por crédito cresceu 3,6%. ?O encarecimento do custo do crédito determinado pelas sucessivas elevações da taxa básica de juros (taxa Selic) tem desestimulado os consumidores a ampliar seus níveis de endividamento, especialmente diante de uma conjuntura econômica caracterizada por maiores graus de incerteza?, segundo a nota da Serasa.

Os consumidores de baixa renda exibiram foram os que mais buscaram crédito. De acordo com o levantamento, os que ganham até R$ 500 expandiram a sua demanda por crédito em 12,1% e os que recebem entre R$ 500 e R$ 1.000 mensais aumentaram a busca por crédito em 9,8%.

Em contrapartida, os consumidores de mais alta renda (entre R$ 5 mil e R$ 10 mil), reduziram a demanda em 3,1%, enquanto os que possuem renda de mais de R$ 10 mil diminuíram a busca por crédito em 2,3%.

Fonte: Terra