Desemprego na Espanha chega a 20% e bate recorde

A taxa é a mais alta desde o quarto trimestre de 1997, segundo a EPA

O desemprego na Espanha chegou ao número recorde de 4.612.700 pessoas no primeiro trimestre do ano, o que corresponde a 20% da população ativa, após um aumento de 286.200 pessoas no grupo de desempregados no período, segundo a Enquete de População Ativa (EPA) divulgada nesta sexta-feira.

Os dados refletem um aumento da taxa de desemprego de 1,2 pontos em relação ao trimestre anterior. Segundo a EPA, no último ano o número de desempregados aumentou em 602 mil pessoas.

No final de março, o número de ocupados era de 18.394.200 pessoas, o mais baixo desde o quarto trimestre de 2004. O desemprego é um dos freios da recuperação da economia espanhola, e levou o governo espanhol a lançar vários planos de estímulo.

Fonte: IG