Dieese: 94% dos pisos salariais são ajustados acima da inflação

Dieese: 94% dos pisos salariais são ajustados acima da inflação

O valor médio dos pisos foi de R$ 669,16

Uma pesquisa do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese) divulgada nesta terça-feira apontou que 94% de 660 pisos salariais reajustados em 2010 foram elevados em percentuais superiores ao do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), indicador do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) amplamente utilizado nas negociações salariais. O INPC ficou em 6,47% no ano passado.

"O maior reajuste de piso salarial representou um ganho real de 34,3% acima do INPC-IBGE. O menor, uma perda real de 8,6%. Ambos os reajustes foram observados no setor industrial", afirmou o Dieese no estudo. Quase um terço dos pisos possui valor de até R$ 550, e pouco mais da metade de até R$ 600. Os pisos superiores a R$ 1 mil representam apenas 6% dos contratos analisados.

O valor médio dos pisos foi de R$ 669,16. De acordo com o levantamento, o maior piso salarial (R$ 2,6 mil) foi observado no setor de serviços, que também apresentou a melhor média (R$ 719,38). Na análise por regiões do País, os maiores pisos salariais pertencem aos acordos assinados nas regiões Sudeste e Nordeste, com R$ 2.600 e R$ 2.381,82, respectivamente.

Fonte: Terra, www.terra.com.br