Dilma anuncia programa "Mais Irrigação"; R$10 bi em recursos

O objetivo do programa é promover o desenvolvimento da agricultura familiar e da economia regional de forma sustentável

O governo federal anunciou nesta terça-feira o programa "Mais Irrigação", que terá investimentos de R$ 10 bilhões, sendo R$ 3 bilhões de recursos públicos R$ 7 bilhões da iniciativa privada, de acordo com dados apresentados pelo ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra.

O objetivo do programa é promover o desenvolvimento da agricultura familiar e da economia regional de forma sustentável, além de gerar emprego e renda, por meio de parcerias público-privadas.

Mais de 530 mil hectares de terra em 16 Estados serão contemplados pela medida, sendo nove Estados da região Nordeste, três do Centro-Oeste e dois do Norte (Roraima e Tocantins), além de Minas Gerais e Rio Grande do Sul.

As ações do programa "Mais Irrigação" serão voltadas para regiões produtoras de biocombustíveis, frutas, leite, carne e grãos. Dessa forma, pequenos e médios agricultores ingressarão na cadeia produtiva, garantindo mercado, assistência técnica e preço justo, segundo o Ministério da Integração.

O programa é dividido em quatro eixos: parcerias público-privadas; implantação e revitalização de projetos de irrigação; apoio a agricultura familiar; além da parte de estudos e projetos da medida.

Bezerra destacou que é mais barato gerar emprego na agricultura do que em outros setores da economia, como petroquímico e automotivo. Segundo ele, a medida busca expandir a fronteira agrícola irrigada no país. Os recursos serão usados para reduzir a baixa produtividade e a ociosidade muitas vezes registradas no segmento agrícola.

Outro objetivo dos investimentos, segundo o ministro, será melhorar a infraestrutura para facilitar o escoamento da produção agrícola.

Fonte: G1