Emergentes impulsionam aumento de vendas da Coca-Cola

A empresa afirmou que o lucro líquido atribuível aos acionistas cresceu para US$ 1,54 bilhão,

 A Coca-Cola apresentou um lucro trimestral em linha com as estimativas de analistas, com um forte volume de vendas na China, Índia e Brasil compensando uma queda na América do Norte.

Custos menores também ajudaram a aumentar o lucro da maior fabricante mundial de bebidas não alcoólicas, que ganhou mercado tanto no segmento de gaseificados quanto não gaseificados. "Continua a ser uma história sobre crescimento no mercado emergente", disse o analista Phil Gorham, do Morningstar, observando "alguns números realmente muito fortes na China e Índia, particularmente quando se considera que eles estão na verdade crescendo sobre um forte trimestre em 2008"

. A empresa afirmou que o lucro líquido atribuível aos acionistas cresceu para US$ 1,54 bilhão, ou US$ 0,66 por ação, ante US$ 995 milhões, ou US$ 0,43 por ação, um ano antes. Analistas esperavam, em média, lucro de US$ 0,66 por ação, segundo a Thomson Reuters I/B/E/S. A receita operacional líquida subiu para US$ 7,51 bilhões, com o volume de vendas crescendo 5%.

O volume de vendas cresceu 7% na América Latina, 11% na região do Pacífico, 1% na Europa e 5% nas divisões da Eurásia e África. Já o volume na América do Norte caiu 1% no quarto trimestre, depois das reduções de 4% no terceiro trimestre e de 1% no segundo trimestre do ano passado.

Fonte: Terra