Estado do Piauí registra a abertura de 1.304 empresas em novembro

A maior parte dos novos negócios está no ramo de comércio.

A Junta Comercial do Estado do Piauí (Jucepi) registrou a abertura de 1.304 empresas em novembro. Foram abertas 16.201 empresas no estado, entre janeiro a novembro, contra 15.415 no mesmo período do ano passado, ou seja, um crescimento de 5%. Cerca de 80% das aberturas correspondem a microempresas (ME), com renda bruta anual inferior ou igual a R$ 360 mil.

Segundo a presidente Alzenir Porto, a maior parte dos novos negócios está no ramo de comércio e serviços, como minimercados, mercearias e armazéns de produtos alimentícios, vestuário, materiais de construção em geral, restaurantes e cabelereiros.

“O crescimento na abertura de empresas mostra a confiança do empresariado em investir, como também é resultado das ações e políticas de Governo do Estado para estimular os investidores. Além disso, reflete diretamente na geração de empregos no estado”, afirma Alzenir Porto. Segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgados pelo Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) no último mês, o Piauí segue como o terceiro estado do país na geração de empregos. Além de estar entre os primeiros do Brasil, o Piauí lidera o ranking na região Nordeste.

Na Jucepi, no último mês foram autenticados 2.438 processos empresariais. Do total realizado, 303 são relacionados à constituição empresarial. Do tipo jurídico Empresário, foram constituídas 190 empresas, Sociedade Empresária Limitada (88) e Empresa Individual de Responsabilidade Limitada (25). O número de processos refere-se aos deferidos e arquivados, ou seja, não abrange o quantitativo final de documentos protocolados no órgão, durante o mês. O total de inscritos como Microempreendedor Individual (MEI), pelo Portal do Empreendedor, foi de 941 empreendedores.

Fonte: Portal do Governo