Frango é destaque em exportação de carne em janeiro

Exportações cresceram 51,4% em janeiro antes igual período de 2010

As vendas de frango in natura foram o destaque das exportações de carnes em janeiro na comparação com o mesmo mês de 2010, com crescimento de receita, do volume e do preço. No período, as exportações da proteína passaram de US$ 333,5 milhões em janeiro de 2010 para US$ 504,8 milhões no mês passado, alta de 51,4%, de acordo com o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior.

Em volume, o crescimento foi de 28,8%, para 267,8 mil toneladas ante as 208 mil toneladas exportadas em janeiro de 2010. Já os preços praticados no exterior subiram 17,6%, para US$ 1.885 a tonelada.

Carne bovina

As exportações de carne bovina in natura caíram em volume no primeiro mês do ano. Foram embarcadas 51,8 mil toneladas, recuo de 22,7% na comparação com as 67 mil toneladas vendidas em janeiro de 2010. Em receita, houve alta de 3,9%, passando de US$ 241,1 milhões para US$ 250,6 milhões, impulsionada pelo aumento de 34,4% no preço no período, quando a tonelada de carne bovina in natura foi comercializada a US$ 4.837,80.

Já as vendas externas de carne suína in natura diminuíram 15% em volume no período, para 29 mil toneladas. Em janeiro de 2010, o volume embarcado foi de 34,1 mil toneladas. A receita passou de US$ 83,3 milhões para US$ 83,1 milhões, praticamente estável (-0,2%), enquanto o preço cresceu 17,2%, para US$ 2.862,10 a tonelada.

Dezembro

Na análise dos números de janeiro ante dezembro de 2010, o destaque foi o embarque de suínos in natura. Houve aumento de receita de 2,3%, alta de 1,8% em volume e avanço de 0,5% em preços. Já as exportações de bovinos recuaram 12,2% em receita, 11,6% em volume e 0,6% em preços. As vendas externas de frango in natura, na mesma base de comparação, diminuíram 4,4% em receita, 5,7% em volume e 0,3% em preços.

Fonte: g1, www.g1.com.br