Gasto com educação pressiona orçamento familiar em janeiro

O grupo habitação fechou dezembro com inflação de 0,17% e subiu 0,31% em janeiro.

O Índice de Preços ao Consumidor (IPC), que mede a inflação da capital paulista, acelerou para 0,66% em janeiro, após subir 0,61% em dezembro, segundo informou, nesta quinta-feira (2) a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe). Já em relação à prévia anterior, quando o IPC ficara em 0,68%, o indicador registrou desaceleração.



O segmento de educação teve fortíssima aceleração. Passou de 0,04%, em dezembro para 6,42% no atual levantamento - foi o item que, na variação ponderada, mais contribuiu para a inflação.

O grupo habitação fechou dezembro com inflação de 0,17% e subiu 0,31% em janeiro. Já o grupo alimentação fez caminho inverso. Ficou em 1,44% em dezembro e passou para 0,50% no fechamento de janeiro.

Já o grupo transportes manteve-se em elevação lenta e contínua. De uma variação de 0,23% em dezembro, acelerou para 0,31% em janeiro. Despesas Pessoais apresentou desaceleração. Após inflação de 1,25% no fim de 2011, encerrou janeiro com 0,87%.

Saúde registrou taxa de 0,24% em dezembro e subiu para 0,40% no fechamento - mesmo assim, foi o item que, na variação ponderada, menos contribuiu para a inflação no período. Depois de apresentar alta de 0,38% no último mês de 2011, o segmento vestuário recuou para 0,22% na terceira quadrissemana de janeiro e terminou o mês com aceleração de 0,60%.

Fonte: G1