GM se aproxima da Toyota no ranking das fabricantes

Montadoras encerram 2010 com uma diferença de 28 mil unidades.

A Toyota manteve em 2010 a liderança no ranking mundial dos maiores fabricantes de veículos, ficando à frente da General Motors por uma diferença de menos de 30 mil unidades.

As vendas globais da Toyota, incluindo a unidade de veículos compactos Daihatsu e de caminhões Hino Motors, cresceram 8%, para 8,418 milhões de unidades, informou a empresa em comunicado. Com o resultado, o grupo japonês manteve a liderança global pelo terceiro ano consecutivo.



A GM, que perdeu a coroa em 2008 pela primeira vez em quase oito décadas, disse que as vendas subiram 12,2 %em 2010, para 8,390 milhões de unidades. As entregas na China e Estados Unidos, os dois principais mercados da companhia, superaram cada um 2 milhões de unidades.

Na China, a GM vendeu 2.351.610 veículos, 28,8% a mais que em 2009, o que fez da China o principal mercado de vendas para o fabricante, tirando o posto dos Estados Unidos. No mercado norte-americano, a GM vendeu 2.215.227 veículos, 6,3% a mais do que no ano anterior.

O Brasil se manteve como o terceiro mercado em vendas de veículos com 657.825 unidades, um aumento de 10,4%. Na Europa, o Reino Unido subiu para o quarto posto mundial, com 290.250 veículos após aumentar em 1% suas vendas, e superou a Alemanha (269.061), onde no ano de 2010 a GM perdeu 29,5% de sua demanda.

Fonte: g1, www.g1.com.br