Impostos somam R$ 71,9 bi em fevereiro e bate recorde histórico

Os dados foram divulgados pela Receita Federal.

A arrecadação federal ? que inclui impostos, contribuições federais e demais receitas, como os royalties ? somou R$ 71,9 bilhões em fevereiro deste ano, o que representa novo recorde histórico para o segundo mês de um ano, informou nesta terça-feira (27) a Secretaria da Receita Federal.



Sobre o mesmo mês de 2011, foi contabilizado um aumento real (após o abatimento da inflação) de 5,91%. A série histórica da Receita Federal começa em 1985. Em valores corrigidos pela inflação (IPCA), a série histórica tem início em 2003.

Já no primeiro bimestre deste ano, ainda segundo dados do Fisco, a arrecadação de impostos e contribuições federais somou R$ 174,4 bilhões, com alta de 5,99% sobre igual período de 2011. Em termos nominais, ou seja, com base no que efetivamente ingressou nos cofres da União, a arrecadação cresceu R$ 19,27 bilhões no primeiro bimestre deste ano.

Segundo a Receita Federal, alguns fatores explicam o crescimento da arrecadação em janeiro deste ano. Entre eles, estão em janeiro e fevereiro o recolhimento do ajuste relativo ao ano de 2011, principalmente do setor financeiro.

Também houve a antecipação, em janeiro deste ano, do ajuste anual do IRPJ/CSLL referente ao lucro obtido pelas empresas em 2011 - o que gerou um reforço de R$ 4 bilhões para a arrecadação sobre janeiro do ano passado, além do pagamento de débitos em atraso e do crescimento de 15,99% da massa salarial.

Outro fator que influenciou a arredação, no primeiro bimestre deste ano, foi o pagamento, em janeiro, dos "royalties" relativos à extração de petróleo, que registrou crescimento de 37% (R$ 1,42 bilhão) sobre janeiro de 2011.

Fonte: G1