Inadimplência volta a crescer após 7 meses

Maio registrou crescimento de 1,9% em relação ao mesmo período de 2009.

A inadimplência do consumidor registrou, em maio, a primeira alta após sete quedas consecutivas. O Indicador Serasa Experian de Inadimplência do Consumidor apresentou crescimento de 1,9% em maio em relação ao mesmo período do ano anterior. Essa foi a maior alta desde outubro de 2009.

Quando comparada mensalmente, a inadimplência dos consumidores em maio, em comparação a abril, teve variação de 4,3%. Os dados são da Serasa Experian, divulgados nesta quinta-feira (10)

As maiores altas mensais foram registradas nas dívidas feitas com cartão de crédito e financeiras (crescimento de 8,1%) e com os bancos (alta de 2,5%). Essas três modalidade foram as responsáveis pela maior parte do crescimento mensal de 4,3% na inadimplência do consumidor em maio.

Motivos

Os economistas da Serasa atribuem o aumento do índice ao crescimento acelerado do endividamento dos consumidores ao longo dos últimos trimestres. Porém, a situação deverá mudar no próximo semestre. "As boas perspectivas para o crescimento econômico neste ano e, por consequência, do mercado de trabalho devem impedir uma elevação muito acentuada dos níveis de inadimplência do consumidor", informou a Serasa Experian, por meio de nota.

Fonte: g1, www.g1.com.br