Indústria contrata 15 mil temporários para driblar alta de preços na Páscoa

Indústria contrata 15 mil temporários para driblar alta de preços na Páscoa

O setor responsabiliza a alta do açúcar e a inflação pela alta dos preços

Quem não fica sem comer chocolate na Páscoa pode se preparar para gastar um pouco mais esse ano. Os ovos devem ficar 5% mais caros nessa época, como prevê a Apas (Associação Paulista de Supermercados). O setor responsabiliza a alta do açúcar e a inflação pela alta dos preços. E investe em brindes e promotores para não afastar clientes dos pontos de venda.

Não à toa, a indústria ainda procura mais de 15 mil pessoas interessadas em promover a marca nos supermercados. São vagas para promotores de venda, degustadores, repositores, conferentes e supervisores de merchandising.

De acordo com a Assertem (Associação Brasileira das Empresas de Serviços Terceirizáveis e de Trabalho Temporário), o salário dos temporários varia entre R$ 550 e R$ 880.

A Garoto tem mais de 1.500 oportunidades espalhadas pelas regiões Sul e Sudeste. A empresa faz a seleção por meio de agências de emprego em São Paulo, Rio Grande do Sul, Minas Gerais e Rio de Janeiro.

Em São Paulo, a 2M Promoções procura cerca de 200 promotores ? serão 500 novas contratações até o fim do mês. Os futuros empregados ficarão responsáveis por explicar as novidades deste ano e oferecer os produtos da marca capixaba.

Para concorrer, é necessário ser maior de idade, ter disponibilidade de horário para trabalhar ? próximo do feriado, os promotores trabalham aos fins de semana ? e se inscrever, com documentos pessoais, na agência, que fica na avenida Ricardo Jaffet, 133, Ipiranga, na zona sul da capital paulista.

No Rio Grande do Sul, a Gope RH fica responsável por contratar mais de 1.300 temporários para a Garoto. Repositores, degustadores e demonstradores serão chamados ao longo de março, conforme surgem vagas nos pontos de venda do Estado.

Para se inscrever, não é preciso ter experiência, mas, afirma a agência, disposição, simpatia e postura. Após se cadastrar no site, o candidato participará de uma dinâmica. Ao ser selecionado, o grupo de temporários receberá treinamento especializado.

A empresa garante ainda que há oportunidades abertas para quem mora nas principais cidades de Minas Gerais e do Rio de Janeiro - mas não conseguiu levantar o número exato de vagas nesses dois Estados. Quem está responsável pela seleção é a agência Ata, com sede no Rio de Janeiro.

Também para São Paulo, a Allis abre 600 vagas temporárias para promotores, repositores, demonstradores, degustadores e supervisores de merchandising. Para se candidatar ao salário de R$ 600, é necessário ter 18 anos e ensino médio completo, no mínimo. Os selecionados participarão de dinâmica de grupo, prova teórica e entrevista.

Os interessados devem levar documentos e currículo ao escritório da agência de empregos, que fica na rua Bráulio Gomes, 36, 1º andar, na região central de São Paulo, próximo à estação República do metrô. Se preferir, pode declarar interesse por uma das vagas pelo site.

A agência de empregos Curriculum oferta 7.150 oportunidades temporárias na internet. Do total, 5.500 são para quem têm ensino médio completo. Eles trabalharão em São Paulo como conferente ? o código da vaga é 501543.

As outras 1.650 vagas são para promotores de vendas em cinco capitais das regiões Sul e Sudeste. Os interessados devem preencher um formulário no site e procurar pelos códigos de acesso: 497811 (São Paulo), 497812 (Rio de Janeiro), 497813 (Belo Horizonte), 497814 (Porto Alegre) e 497815 (Curitiba).

Maior oferta

A Kraft Foods, que distribui os produtos da Lacta, contrata 6.000 pessoas para a área de vendas ? do total, 40% dos postos de trabalho são para o Estado de São Paulo. As inscrições são gratuitas e devem ser feitas até o dia 15 de março, pelo site da empresa.

Para garantir a vaga, o profissional não pode ser tímido. Além de ter mais de 18 anos e ensino médio completo, ele precisa de boa comunicação e capacidade para abordar clientes durante a jornada de trabalho. Se tiver experiência com promoção em ponto de venda, leva vantagem na disputa. Após o cadastro, a Kraft vai promover entrevistas e dinâmicas para escolher os promotores que receberão treinamento para a ação de Páscoa.

A Village vai ampliar para 600 o número de colaboradores. A contratação, que começou a dois meses do feriado, paga remuneração dentro dos valores de mercado ? em média. Para obter mais informações, basta enviar um e-mail para a central de atendimento: [email protected]

Fonte: R7, www.r7.com