Inflação desacelera para 0,16% em setembro

Preços dos alimentos tiveram deflação no mês passado

 O Índice de Preços ao Consumidor (IPC) apontou inflação de 0,16% em setembro, na cidade de São Paulo, abaixo do resultado de agosto (0,48%). Divulgado pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) nesta sexta-feira (2), o IPC também ficou abaixo das previsões do mercado, que variavam de 0,17% a 0,25%.

Os itens de maior peso no indicador tiveram alta menor no mês passado, em comparação a agosto. O grupo habitação, que havia fechado agosto com alta de 1,23%, avançou 0,47% no mê de setembro. Alimentação teve variação de 0,22% em agosto, e deflação no fechamento de setembro (-0,63%). O segmento de transportes partiu de uma taxa negativa de 0,05% em agosto e registrou alta de 0,25% em setembro.

Em despesas pessoais, as variações foram de 0,14% em agosto e de 0,18% em setembro. No área de saúde, a alta foi de 0,14% em agosto e de 0,65% em setembro. O vestuário registrou alta de 0,07% em agosto e fechou o mês de setembro com alta de 0,75%. No grupo educação, as variações foram de 0,04% em agosto e de 0,09% em setembro.

Fonte: g1, www.g1.com.br