INSS vai fazer leilão da folha de pagamento de novos beneficiários

Pensionistas e aposentados atuais continuam no mesmo banco.

 O leilão da folha de pagamento de novos benefícios do INSS começa nesta quarta-feira (5) em Brasília. Sairá vencedor o banco que oferecer mais dinheiro pelo direito de efetuar o pagamento aos novos beneficiários.

Os bancos vencedores terão direito a pagar os benefícios concedidos nos cinco anos seguintes à realização da licitação. Após esse prazo, uma nova licitação será feita, para os cinco anos seguintes, e assim por diante. O contrato do INSS com cada instituição terá duração de 20 anos.

Atualmente, são concedidos cerca de 377 mil benefícios novos do INSS por mês. O INSS dividiu o país em 26 lotes para o leilão. O INSS tem hoje 26,6 milhões de beneficiários, mas esta folha de pagamento não será colocada em leilão. No entanto, segundo o edital, os beneficiários terão direito a trocar o banco no qual desejam receber o benefício. Para abocanhar a carteira de novos pensionistas, o banco candidato deve se comprometer a não cobrar deles por extratos, um DOC ou TED mensal, além de extrato para o Imposto de Renda.

O banco vencedor ganha a chance de oferecer aos correntistas serviços bancários como crédito, seguros e investimentos. Até 2007, o INNS pagava cerca de R$ 250 milhões por ano aos bancos para que eles fizessem o pagamento dos benefícios. Agora, além de exigir a isenção de tarifas para os beneficiários, a Previdência pode levantar bilhões de reais com a venda da carteira.

Fonte: g1, www.g1.com.br