IPVA começa a vencer na sexta

Donos de veículos de placa final 1 devem pagar o tributo esta semana para aproveitar desconto

As datas para o pagamento do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) começam a vencer nesta semana. Para os carros de placa com final 1, a primeira parcela do IPVA ou a cota única com desconto podem ser pagas até sexta-feira. Estes também podem agendar a inspeção veicular ambiental em São Paulo a partir de hoje.

O imposto pode ser pago em até três parcelas ou em cota única. Assim como em 2009, o contribuinte tem desconto de 3% para pagamento integral em janeiro. Veículos novos terão o desconto até o quinto dia útil da data de emissão da nota fiscal. A Secretaria de Estado da Fazenda espera arrecadar R$ 8,9 bilhões com o imposto, que ficou em média 9,3% mais barato em 2010. O tributo para carros e motos teve a maior queda: 12,2% e 9,8%, respectivamente. O valor varia conforme modelo e ano de fabricação. A redução do IPVA corresponde a uma queda nos valores venais dos veículos, já que as alíquotas para cálculo do imposto foram mantidas. Dos cerca de 17 milhões de veículos da frota paulista, 13 milhões vão pagar o IPVA, segundo a secretaria.

O agendamento da inspeção veicular começa hoje na capital para veículos de placa com final 1. Os testes, que serão realizados a partir de fevereiro em dez endereços, podem ser agendados em www.controlar.com.br. O agendamento se baseia no cronograma de licenciamento de veículos e só pode ser feito após o pagamento da taxa de R$ 56,44. O programa atingirá toda a frota de 6,5 milhões de veículos. Como será obrigatório e de abrangência nacional, a tarifa não será devolvida pela Prefeitura como em 2009. Neste mês, até o dia 31, ocorrem também as inspeções para quem perdeu o prazo no ano passado.

Recorde de vendas

O Brasil atingiu no ano passado a marca de 3,010 milhões de veículos vendidos, num terceiro recorde anual consecutivo, o que já era esperado após 12 meses de benefícios concedidos pelo governo, com redução do IPI e incentivo do crédito do setor. As vendas de automóveis e comerciais leves novos em dezembro cresceram cerca de 16,5% ante novembro e saltaram mais de 50% em relação a dezembro de 2008.

Fonte: Estadão, www.estadao.com.br