Justiça coloca mariola em leilão para pagar dívidas trabalhistas

Justiça coloca mariola em leilão para pagar dívidas trabalhistas

O Tribunal Regional do Trabalho do Rio (TRT-RJ) espera arrecadar R$ 2 milhões no leilão

A sabedoria popular diz que certas pessoas não valem nem uma mariola. E que tal 605 quilos? Esse festival do popular doce feito à base de banana pode saldar uma dívida trabalhista. O carregamento do produto, avaliado em R$ 3.600, é um dos itens que serão colocados à venda pela Justiça do Trabalho hoje, num leilão que vai acontecer em 24 estados. O objetivo é obter recursos para pagar indenizações ganhas por trabalhadores nos tribunais.

Como as empresas acionadas na Justiça alegaram não ter dinheiro para pagar as quantias determinadas nas sentenças, o jeito foi penhorar bens e vendê-los para que, assim, houvesse dinheiro para quitar os débitos. O Tribunal Regional do Trabalho do Rio (TRT-RJ) espera arrecadar R$ 2 milhões no leilão. A ação faz parte da 2 Semana Nacional de Execução Trabalhista, promovida pela Justiça do Trabalho em todo o país.

COMO PARTICIPAR

ABERTOS AO PÚBLICO

Os leilões são abertos ao público, tanto pessoas físicas quanto jurídicas (empresas), e começam às 13h e às 15h.

MEIO DE PAGAMENTO

O pagamento pode ser feito à vista, por meio de cheque, ou por guia de recolhimento na Caixa Econômica Federal ou no Banco do Brasil.

TAXA DE COMISSÃO

Será acrescida uma comissão do leiloeiro equivalente a 5% do lance.

LOCAIS

Na cidade do Rio, o leilão acontecerá na Avenida Presidente Antonio Carlos 251, 4 andar, no Centro. Também haverá leilões nas cidades de Duque de Caxias, Niterói, Itaboraí, Macaé, Nova Iguaçu e São Gonçalo.

Fonte: Extra