Produtores de leite afirmam que preço pode aumentar até 20%

Produtores de leite afirmam que preço pode aumentar até 20%

O presidente da Leite Brasil. Jorge Rubez, afirma que se os preços aumentarem 15% para os produtores, o repasse para o consumidor poderá chegar aos 20

A Associação Brasileira de Produtores de Leite (Leite Brasil) acredita que, em setembro, o preço do leite poderá ter alta de até 20% para o consumidor final. Isso porque os custos de produção continuam em elevação, impulsionados pelas altas do milho e do farelo de soja, que fazem parte do composto alimentar oferecido ao gado.

O presidente da Leite Brasil. Jorge Rubez, afirma que se os preços aumentarem 15% para os produtores, o repasse para o consumidor poderá chegar aos 20%. Hoje, no país, o preço médio do litro do leite vai de R$ 1,60 a R$ 2, em supermercados, segundo os produtores.

? As vacas produzem a partir do que comem e, com o composto mais caro, o preço do leite vai subir. Se diminuirmos a produção, também vai aumentar ? disse.

O economista André Braz, da Fundação Getulio Vargas, acredita que ainda é cedo para apostar na elevação.

? O movimento do preço do leite está muito intenso. E, se aumentar, os repasses serão pequenos. As condições climáticas também afetam o pasto, e chegaremos à época do ano em que há aumento de chuvas ? afirmou.

Fonte: Extra