Liquida Teresina começa com descontos de até 70% no comércio da capital

Com cerca de dois mil participantes, envolvidos por descontos que chegam a 70%, o projeto nasce com a responsabilidade de tornar a época uma das mais lucrativas do ano

Enfrentando um período complicado de vendas, o Liquida Teresina teve seu início quinta-feira (28/08), com a promessa de movimentar até R$ 60 milhões na economia local.

Com cerca de dois mil participantes, envolvidos por descontos que chegam a 70%, o projeto nasce com a responsabilidade de tornar a época uma das mais lucrativas do ano.

Ao todo serão 10 dias repletos de ofertas, que prometem incentivar o público consumidor a sair de casa e adquirir os produtos. Logo nas primeiras horas do projeto inédito, já pôde ser percebida uma mudança no cenário do comércio, que estava monótono após o Dia dos Pais.

Algumas lojas, inclusive, às 10 horas da manhã já anunciavam as últimas peças no estoque de eletrodomésticos, como ventiladores e geladeiras.

Com esta perspectiva, os clientes aprovaram a ação e saíram dos estabelecimentos satisfeitos com a queda nos valores. “Tem diminuído, agora mesmo acabei de efetuar uma compra, projetos como esse são importantes e devem ser louvados”, destaca o industriário Joacyr Orsano.

Compartilhando da mesma sensação, a autônoma Maria dos Santos lamentou o fato de não ter esperado até os dias do Liquida. “É impressionante, quando aparecem descontos assim, não se tem dinheiro, depois acaba e não adianta mais de nada”, brinca.

Apesar da precisão do diagnóstico ainda não ter sido definida, os trabalhadores começam a perceber a movimentação e comemoram a iniciativa.

“Não está ruim, esse período sazonal sempre acontece no comércio, todos os anos, e o Liquida veio para tentar dar uma sacudida nas vendas.

O comércio tem fases boas e ruins, estamos tentando com isso dar uma equilibrada”, conta o gerente Bernardo Costa Neto. Funcionário de uma gigante no varejo da capital, ele reitera que as expectativas são positivas. “Deve melhorar, vai ter bastante promoção”, inclui.

Responsável pela novidade, a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) demonstra satisfação com os resultados iniciais.

“A campanha entrou no ar há pouco tempo, o objetivo de quem formulou é vender e atingir todas as metas. Diversos segmentos estão engajados nessa campanha, tudo que estávamos planejando para acontecer nesse primeiro momento ocorreu”, comemora o presidente Evandro Cosme.

Por fim, ficou o desejo dos consumidores de que ações do tipo se perpetuem na capital. “Com certeza tem que ocorrer mais, os descontos estavam ótimos”, completa a manicure Laís Cristine.

Clique aqui e curta o Portal Meio Norte no Facebook

Fonte: Francy Teixeira