Lojas de bairros abrem as portas no feriado do Dia do Comerciário

Lojas de bairros abrem as portas no feriado do Dia do Comerciário

Na última segunda-feira (27) foi comemorado o Dia do Comerciário e, por causa disso, o comércio de Teresina fechou, no centro da cidade e nos shoppings

Na última segunda-feira (27) foi comemorado o Dia do Comerciário e, por causa disso, o comércio de Teresina fechou, no centro da cidade e nos shoppings. Nos bairros, isso também deveria ter acontecido, mas muita gente optou por abrir as portas e esperar os clientes.

Foi o que aconteceu em bairros como Dirceu e Mocambinho, por exemplo, onde essa atividade é bastante forte. Mas a movimentação foi pouca. A proprietária de um mercadinho, localizado na avenida principal do Bairro Dirceu, Francisca Costa de Sousa, afirma que abriu as portas já que os supermercados ficaram fechados.

“Nós abrimos na esperança de vender um pouco mais, devido ao fato de os supermercados estarem fechados e também pelo fato de esse ser um negócio nosso, da nossa família, e não trabalharmos com profissionais de fora, mas a clientela não foi muito boa”, pontuou.

O proprietário de uma loja de variedades no Dirceu, Marcelino Nascimento, também decidiu abrir as portas, mas devido à pouca movimentação de clientes, a loja foi fechada ainda no turno da manhã. “Eu precisava terminar uns trabalhos na loja e aproveitei para abrir para os clientes, mas a movimentação foi muito fraca, acredito que os teresinenses usaram o feriado para viajar”, comentou.

E a pouca movimentação foi em praticamente todos os setores que insistiram em fechar as portas. Na papelaria de Giovane Caldas, as vendas também não foram boas, contrariando as suas expectativas. “Eu acreditava que seria mais movimentado, mas acabou sendo muito fraco. Por causa disso, só abri até meio-dia”, lamentou.

Mas houve quem aproveitou a pouca movimentação do comércio e principalmente dos mercadinhos, para fazer compras. Esse foi o caso de Irene Brandão, que mora no Dirceu. “Achei muito bom que os comércios que abriram estivem pouco movimentados. Aproveitei para ir ao mercadinho, perto da minha casa e fazer compras das coisas que estavam faltando em casa”, afirmou.

Clique aqui e curta Portal Meio Norte no facebook

 

Fonte: Pollyana Carvalho