Lula critica Bush por plano de ajuda a bancos durante crise nos Estados Unidos

Lula afirmou que Bush quer apenas ajudar os bancos e não os americanos

O presidente Luiz In?cio Lula da Silva criticou neste s?bado o colega americano George W. Bush pela forma como est? administrando a crise nos Estados Unidos. Em discurso em Osasco, na regi?o metropolitana de S?o Paulo, Lula afirmou que Bush quer apenas ajudar os bancos e n?o os americanos que perderam suas casas.

"H? 340 mil americanos pobres que perderam suas casas e 10 milh?es que est?o arriscados de perder. Bush quer dar US$ 700 bilh?es aos bancos e nada aos pobres", disse o presidente, em rela??o ao esperado plano de ajuda financeira que pode ser aprovado ainda neste fim de semana pelo Congresso dos EUA.

O pacote proposto pelo governo Bush tem como objetivo principal retirar do mercado os "t?tulos podres" ligados ? crise das hipotecas. Entre diversos pontos que causam disc?rdia, est? a falta de ajuda ?s fam?lias afetadas pela crise.

O presidente brasileiro vinculou a especula??o ? crise no sistema financeiro americano. "Ao inv?s de aplicar em coisas que poderiam gerar emprego e renda, o sistema americano resolveu especular", apontou.

Lula ressaltou ainda o bom momento do Pa?s no cen?rio internacional. "Se fosse outro momento o Brasil j? estava no ch?o. Antes, 30% das exporta?es eram para o mercado americano, hoje s?o 15%", afirmou, antes de exaltar tamb?m a boa situa??o das reservas de moeda estrangeira. "Temos US$ 207 bilh?es para enfrentar qualquer crise."

O presidente afirmou tamb?m que o petr?leo encontrado na camada pr?-sal da Bacia de Campos ? a "segunda independ?ncia" do Pa?s e prometeu produzir a tecnologia de explora??o da commodity no territ?rio nacional.

Segundo Lula, a descoberta vai fortalecer a ind?stria petroqu?mica e as prioridades para os lucros com o ?leo do pr?-sal s?o investimentos em educa??o e para diminuir a pobreza.

Al?m disso, o presidente afirmou que pretende encerrar o ano de 2008 com 2 milh?es e 200 mil novos empregos criados. "Temos at? o momento 1,8 milh?o e devemos encerrar o ano com essa cifra", apostou Lula, que participou de com?cio de apoio ao candidato do Partido dos Trabalhadores (PT) ? prefeitura de Osasco, Em?dio Pereira de Souza.

Fonte: Terra, www.terra.com.br