Lula diz que imigrantes e pobres não são responsáveis

Lula falou em Genebra no Conselho de Direitos Humanos da ONU

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou nesta segunda-feira (15) no Conselho de Direitos Humanos da Organização das Nações Unidas (ONU) que "nem os imigrantes nem os pobres são responsáveis pela crise". "Os responsáveis são os mesmos que por anos ensinaram como gerenciar o Estado."

O presidente voltou a criticar os países ricos: "Essas mesmas pessoas que nos ensinaram viram que agora não sabem mais nada, não sabem nem explicar como davam tanta aula." Lula ainda pediu que os impactos sociais da crise sejam considerados.

Lula da Silva defendeu uma nova ordem econômica mundial, que recompense a produção e não a especulação, além de ter ressaltado a necessidade de defesa dos direitos dos pobres.

"Como dirigente de um país em desenvolvimento, espero que da crise surja uma nova ordem internacional que recompense a produção e não a especulação", afirmou o presidente do Brasil.

"Esta nova ordem também deve respeitar as normas meio ambientais viáveis e transformar o comércio internacional em um instrumento de desenvolvimento para uma distribuição mais justa da riqueza", completou Lula, antes de participar em uma reunião da Organização Internacional do Trabalho (OIT) sobre a crise.

Após a visita a Genebra, Lula viajará para a Rússia, onde participará nesta terça-feira (16) da reunião dos Brics (Brasil, Rússia, Índia e China)

Fonte: g1, www.g1.com.br