Mercado prevê um crescimento de 5,2%

Esta é a segunda semana consecutiva de aumento na projeção dos analistas do mercado financeiro

O mercado financeiro elevou, na semana passada, a sua estimativa de crescimento para a economia brasileira neste ano de 5,01% para 5,17%, ao mesmo tempo em que diminuiu sua previs?o de infla??o para 2008 e para o pr?ximo ano, segundo informou o Banco Central nesta segunda-feira (22).

Esta ? a segunda semana consecutiva de aumento na proje??o dos analistas do mercado financeiro para o crescimento da economia brasileira e acontece ap?s o an?ncio de que o PIB do primeiro semestre deste ano avan?ou expressivos 6% - algo que n?o ocorria desde 2004. O governo federal revisou sua estimativa oficial de crescimento para 2008 de 5% para at? 5,5%. Para 2009, a proje??o do mercado para o crescimento da economia foi mantida em 3,60%.

Infla??o e juros

Na semana passada, a proje??o do mercado financeiro para o IPCA de 2008 recuou de 6,26% para 6,23%, na oitava semana consecutiva de queda, enquanto a proje??o para o indicador no pr?ximo ano caiu de 4,99% para 4,97% - o segundo recuo seguido. Para os pr?ximos doze meses, a estimativa do mercado para o IPCA recuou de 5,19% para 5,18%.

O an?ncio do recuo da estimativa do mercado para a infla??o para 2009 vem duas semanas ap?s o pr?prio BC ter elevado a taxa b?sica de juros em 0,75 ponto percentual, para 13,75% ao ano. A institui??o j? havia informado anteriormente que um dos seus principais objetivos ao subir os juros neste ano era trazer a proje??o para o IPCA para o centro da meta, de 4,50%, em 2009. No sistema de metas, h? um intervalo de dois pontos percentuais para cima ou para baixo, de modo que o IPCA pode oscilar entre 2,50% e 6,50%.

Para os juros, o mercado continua projetando um aumento de 0,50 ponto percentual na taxa b?sica em outubro, quando se re?ne novamente o Copom do BC. Com isso, a taxa Selic passaria dos atuais 13,75% para 14,25% ao ano. Para o fim de 2008, a estimativa para os juros foi mantida em 14,75% ao ano (embute um novo aumento de 0,50 ponto percentual em dezembro) e, para o fechamento de 2009, subiu de 13,75% para 13,79% ao ano.

D?lar

A proje??o do mercado financeiro para a taxa de c?mbio ? de que ela termine este ano em R$ 1,70, ou seja, acima da proje??o da semana anterior (R$ 1,65 por d?lar). Para o fim de 2009, a estimativa dos analistas para a taxa de c?mbio subiu de R$ 1,75 para R$ 1,77 por d?lar.

Balan?a comercial e investimentos diretos

A proje??o do mercado financeiro para o saldo da balan?a comercial (exporta?es menos importa?es) de 2008 subiu de US$ 23,6 bilh?es para US$ 23,7 bilh?es na ?ltima semana. No in?cio deste ano, os analistas ouvidos pelo Banco Central projetavam super?vit de US$ 31,9 bilh?es para a balan?a comercial em 2008. Para o ano de 2009, a estimativa do mercado para o saldo comercial foi mantida em US$ 13 bilh?es na ?ltima semana.

No caso dos investimentos estrangeiros diretos, a expectativa do mercado financeiro para o ingresso de 2008 subiu de US$ 34,6 bilh?es para US$ 35 bilh?es na ?ltima semana. Para 2009, a proje??o ficou est?vel em US$ 30,3 bilh?es.

Fonte: g1, www.g1.com.br