Microempreendedores recebem orientação no Piauí

O evento é realizado pelo Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas, Sebrae no Piauí, e ocorrerá, simultaneamente,em diversas regiões de Teresina

Iniciou na segunda-feira (31) a Semana do Microempreendedor Individual, MEI. O evento é realizado pelo Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas, Sebrae no Piauí, e ocorrerá, simultaneamente, em diversas regiões de Teresina, até sábado, 05 de abril.

?O público terá acesso a capacitação, orientação e atendimentos. Os empreendedores que ainda não formalizaram seu empreendimento poderão legalizar seus negócios por meio da figura do MEI, e os que já estão devidamente formalizados terão a oportunidade de participar de oficinas e palestras para fortalecer a sustentabilidade de sua empresa?, destaca o diretor técnico do Sebrae no Piauí, Delano Rocha.

O objetivo da Semana do MEI é esclarecer sobre as vantagens dessa figura legal, auxiliar no preenchimento da Declaração Anual Simplificada, efetuar registros de empreendedores, e capacitar os MEI já registrados por meio de oficinas e palestras. Além de Teresina, acontecerão atividades em Picos, Piripiri, Floriano, São Raimundo Nonato e Parnaíba.

Na capital, o Sebrae terá postos de atendimento fixos na Praça Rio Branco, no centro; e na Praça da Cultura, no Dirceu Arcoverde I, na zona Sudeste. A Unidade de Atendimento Móvel da instituição também realizará atendimento, percorrendo as regiões do Mocambinho, Vale Quem Tem e Parque Piauí.

Analistas do Sebrae e Agentes de Orientação Empresarial, AOE, estarão disponíveis para tirar dúvidas do público e prestar informações sobre os benefícios do MEI.

Entidades parceiras, a exemplo de bancos, também terão representantes nos postos de atendimento, esclarecendo sobre o papel de cada instituição no que diz respeito ao microempreendedor individual.

Entre as capacitações que acontecerão durante o evento estão as oficinas SEI, que foram criadas para facilitar o acesso dos MEI a informações sobre o mundo dos negócios. São sete oficinas: SEI Vender, SEI Comprar, SEI Controlar Meu Dinheiro, SEI Planejar, SEI Administrar, SEI Empreender e SEI Unir Forças para Melhorar.

Vantagens de ser microempreendedor

Microempreendedor Individual é a pessoa que trabalha por conta própria e fatura no máximo R$ 60 mil por ano, não tendo participação em nenhuma empresa como sócio ou titular.

A carga tributária para os MEI é diferenciada. Os empreendedores são isentos de quase todos os tributos do Simples. Eles pagam uma taxa fixa mensal de 5% do valor do salário mínimo para a Previdência Social, mais R$ 1,00 de ICMS, se atuarem no setor de indústria ou comércio; e R$ 5,00, se forem da área de serviços.

Os MEI têm ainda acesso aos benefícios previdenciários como aposentadoria por idade ou por invalidez, auxílio- doença, salário maternidade, pensão por morte e auxílio-reclusão.

O empresário Aristebluque Siqueira Rubens de Macedo, proprietário de uma lanchonete em São Raimundo Nonato, é um exemplo de sucesso do Microempreendedor Individual. ?Comecei minha empresa após participar do curso Saber Empreender, realizado pelo Sebrae. Naquele momento identifiquei que poderia fornecer lanches para funcionários de empresas que não tinham tempo de sair do local de trabalho?, conta o empresário.

Aristebluque revela que após a formalização viu sua empresa crescer. ?Passei da comercialização de porta em porta para um quiosque em local de grande movimentação. Hoje, conheço mais de perto meus clientes e tenho estratégias para conquistar mercado?, afirma.

Fonte: Pollyana Carvalho